Ano-novo terá esquema especial para trânsito e segurança

Detran fará interdições, na Esplanada dos Ministérios e nas proximidades da Praça dos Orixás. Segundo GDF, 1.200 policiais militares e 115 bombeiros farão a segurança

Trânsito e segurança terão esquemas especiais, no Distrito Federal, para as festas da virada de ano

Trânsito e segurança terão esquemas especiais, no Distrito Federal, para as festas da virada de ano. O Departamento de Trânsito (Detran) fará interdições, nesta terça-feira (31/12), na Esplanada dos Ministérios e nas proximidades da Praça dos Orixás. Os dois locais recebem eventos para a chegada de 2020

Às 17h desta terça-feira (31/12), a via S1 será bloqueada a partir da Catedral. Com isso, as ligações entre as vias N1 e S1 também estarão fechadas. A via N1 ficará livre até a altura da L2 Norte, para onde os veículos poderão seguir e fazer o retorno, caso queiram voltar à Esplanada.

Estacionamento 

estacionamento entre os dois primeiros ministérios, em frente a via N1, será para veículos que fazem transporte por aplicativos e táxis. Já quem for à Esplanada com carro próprio poderá utilizar as vagas dos ministérios e anexos, da Rodoviária do Plano Piloto e do Teatro Nacional. 

Os bolsões públicos dos setores bancários sul e norte também serão alternativas para os condutores. O desbloqueio das vias está previsto para as 3h do dia 1.

Prainha

Nas proximidades da Praça dos Orixás, o Detran fará operações de sinalização, controle, fiscalização e apoio à travessia de pedestres. Agentes da autarquia contarão com o apoio do Departamento de Estradas de Rodagem (DER)

A partir das 10h, o acesso à L4 Sul, pela tesourinha da ponte Costa e Silva, ficará fechado para a montagem da estrutura do evento e para assegurar a livre circulação de pedestres. Já depois das 13h, motoristas que saírem do Lago Sul em direção ao Plano Piloto poderão utilizar a faixa central da ponte. 

Às 23h, a faixa da direita será bloqueada, no sentido Plano Piloto. A partir das 23h30, a ponte será completamente interditada, sendo liberada às 00h30. Em frente ao Pontão do Lago Sul, redutores de velocidade e travessias de pedestres serão instalados, próximos à QI 10.

Segundo o Detran, cerca de 50 agentes estarão envolvidos nas operações, que se estenderão por todo o DF.

Segurança

De acordo com o Governo do Distrito Federal (GDF), o Centro Integrado de Operações de Brasília (Ciob) vai monitorar a movimentação nos dois principais pontos das festividades. 
Ainda segundo o GDF, 1.200 policiais militares farão a segurança nos locais. Além do policiamento convencional, unidades especializadas, como Rotam, Batalhão de Aviação Operacional (BavOp), Batalhão de Policiamento com Cães (BPCães), Regimento de Polícia Montada (Cavalaria) e Patamo darão suporte durante os eventos. 

Já o Corpo de Bombeiros (CBMDF) contará com 115 profissionais. Segundo o GDF, 14 viaturas da corporação serão posicionadas em pontos estratégicos. Além disso, equipes circularão pelos eventos para realizar possíveis atendimentos. Em caso de emergência, a orientação é acionar o telefone 193. 

O efetivo da 1ª e 5ª Delegacias de Polícia, que atendem a área central de Brasília, será reforçado. Também haverá reforço nos plantões da Coordenação de Repressão às Drogas (Cord), da Coordenação de Repressão aos Crimes Patrimoniais (Corpatri) e da Delegacia Especial de Repressão aos Crimes por Discriminação Racial, Religiosa ou por Orientação Sexual ou Contra a Pessoa Idosa ou com Deficiência (Decrin). 

As delegacias especializadas da Criança e do Adolescente (DCA I e II), e de Atendimento à Mulher (Deam) também funcionarão de forma ininterrupta. 

Informações do Jornal Correio Braziliense

PUBLICIDADE