Assassinatos caem 22,6% nos primeiros sete meses deste ano no Brasil

Em 2019, foram registradas 24,1 mil morte violentas, 7.109 a menos do que o observado em 2018. Somente em julho, foram 3.122

O número de mortes violentas no país caiu 22,6% nos primeiros sete meses deste ano. Foram registrados 24,4 mil assassinatos entre janeiro e julho, 7.109 a menos do que o observado no mesmo período de 2018. O levantamento faz parte do Monitor de Violência, parceria entre o portal G1 e o Fórum Brasileiro de Segurança Pública.

Somente em julho, foram registradas 3.122 mortes violentas. No mesmo mês de 2018, 4.117 pessoas morreram assassinadas — uma redução de 14,2%.

O índice mostra ainda que houve redução em todas as unidades da Federação. Os destaques vão para Ceará, Rio Grande do Norte e Acre, que apresentaram queda superior a 30%.

Ainda assim, os números seguem altos. Neste ano, uma pessoa, em média, é assassinada a cada 12 minutos.

O ministro da Justiça e Segurança Pública, Sergio Moro, comemorou a redução do índice de homicídios no país. Em conta oficial no Twitter, o chefe da pasta destacou a queda e reforçou que é preciso reduzir mais ainda.

Informações do Portal Metrópoles