Brasil é ouro com a PMDF no jogos mundiais da China

0
107

O Brasil está com o pé direito no mundial de policiais e bombeiros, realizado em Chengdu, na China. A Polícia Militar do Distrito Federal venceu os donos da casa no futebol masculino, categoria principal, em sua estreia por 6 a 0. Para o policial militar cabo Bruno, “o placar serviu para motivar a equipe e dar confiança ao restante da competição”. Marcaram ainda para equipe principal: soldado Tadeu e dois do cabo Marcos José. Para o treinador Coronel Cléber dos Santos, “o jogo foi bom pela vitória e pela dificuldade de uma estreia, pelo forte calor e a pressão da torcida. Estou feliz pelo comportamento da equipe”. 

Os atletas PMDF se destacam pelo excelente desempenho nas parciais do campeonato World Police and Fire Games (WPFG) – Jogos Mundiais de Policiais e Bombeiros 2017. O evento bienal é uma competição esportiva que conta com 64 modalidades (individuais e coletivas).

No futebol masculino, categoria veterano, mais uma vez os policiais faturaram o ouro, consagrando-se tetracampeões mundiais. O treinador, coronel Cléber, enfatizou que mesmo diante os desafios da comunicação, calor e alimentação apimentada “superamos as adversidades e mostramos, no campo, o resultado de um trabalho sério, comprometido e de muita dedicação”.

Já no basquete feminino, as meninas não conseguiram conquistar o pódio, porém a competição foi bem acirrada. Primeira vez nos jogos, elas demonstraram atitude, força e coragem, batalhando até o último instante. A equipe da PMDF (Brasil) ficou em 4° lugar, perdendo para Honk Kong (1º), Filipinas (2º) e Estados Unidos (3º).

basquete feminino 2
basquete feminino

O coronel Cleber dos Santos Lacerda trabalha com a equipe da Polícia Militar do DF há mais de 20 anos. “Começamos em 1994 com várias atividades esportivas. Tudo foi se desenvolvendo até que começamos a participar de várias competições nacionais e internacionais”.

Ele acredita no esporte enquanto ferramenta social. “O esporte é uma atividade que dá um retorno. Além de ser integrador, para o policial militar, que é atleta, você não tem problema de disciplina, de obesidade, de alcoolismo. Diria que seria um molde perfeito para um profissional de segurança”.

Informações do Site da PMDF