Tempo passando e nada de reajuste para a PCDF

0
127
RAFAEL FELICCIANO/METRÓPOLES

O mês de maio quase chegando e o presidente Jair Bolsonaro ainda não enviou ao Congresso a mensagem com o pedido de autorização para o reajuste de 37% para os policiais civis.

A primeira parcela de 5% do aumento que estabelece a paridade dos salários da Polícia Civil com os da Polícia Federal estava prevista para abril e seria paga no próximo contracheque.

Bolsonaro prioriza a reforma da Previdência. Não quer criar nenhum burburinho. Mas depois da aprovação do projeto ainda pode haver problemas, embora o governador Ibaneis Rocha tenha assegurado que os aumentos das forças de segurança estão mantidos.

Informações da Coluna Eixo Capital/Jornal Correio Braziliense