Os últimos dias estão demonstrando o nosso amadurecimento político. Aprendemos conceitos básicos, tais como: MOBILIZAR, LIDERAR, INFLUENCIAR, PLANEJAR, COORDENAR, CONTROLAR, NEGOCIAR, dentre outros. Isso é muito importante.

Durante anos faltou-nos inteligência e organização. Os últimos dias estão nos mostrando a importância de caminharmos juntos em prol de um mesmo objetivo. Não somente praças, não somente oficiais, mas sim POLICIAIS MILITARES (Praças + Oficiais) juntos em defesa de melhorias para nossa categoria. É um MOVIMENTO, uma AÇÃO. Um movimento que pode tocar, mas não pode ser tocado, pois cada policial é um líder em potencial. Sabemos que liderar é influenciar e estamos influenciando a sociedade a nossa volta.

Quebramos preconceitos por meio de conceitos, geramos um novo conhecimento, um novo método, novas ações. Palavras geram pensamentos, pensamentos geram sentimentos, sentimentos por sua vez geram ações e tais ações geram resultados. Nossos resultados irão mudar, porque nós estamos mudando. Somos aprendizes no Estado Democrático de Direito. Temos uma ideologia clara, um sistema de idéias que nos guia e nos orienta. Buscamos a eficiência, eficácia e efetividade de nossas ações. Tudo isso passa pela valorização do homem de frente! Tudo isso passa pelo fortalecimento da autoridade do discurso.

Compreendemos que o método passa pela MOBILIZAÇÃO INTERNA e que somente depois de mobilizados, capacitados e treinados continuamente poderemos partir para MOBILIZAÇÃO EXTERNA. Aprendemos que é preciso PLANEJAR. Que esse PLANEJAMENTO passa por sabermos onde estamos e onde queremos chegar. Passa por sabemos o que queremos e como iremos conquistar! A solução de nossos problemas está em nossas ações, sejam elas: AÇÕES INDIVIDUAIS OU COLETIVAS. Em nossas ações individuais devemos nos questionar: O que eu posso fazer por esse movimento? Em nossas ações coletivas devemos sempre nos perguntar: O que nós enquanto associações e movimentos organizados podemos fazer para mudar a nossa corporação?

A partir daí a polícia irá mudar ainda mais. Nossos objetivos estão mais próximos de serem alcançados, pois o movimento unificado torna-se cada vez mais um movimento inteligente feito por policiais inteligentes.

Não há dúvida, companheiros, de que a polícia precisa mudar, de que a polícia está mudando e de que a polícia irá mudar!

Precisamos nos manter coesos, unidos em prol de nossos objetivos. Continuar mobilizados, mesmo que a luta dure um dia, um mês, um ano! Não podemos esquecer que a mobilização deve ser inteligente e coordenada. Não podemos cansar a tropa. Dia 15 de março foi um curto espaço de tempo. As próximas reuniões devem ser mais distantes umas das outras para não cansarmos os companheiros. Caso contrário poderemos esvaziar o movimento como já ocorrera em outrora.

Outro fato é a importância de compreendermos a diferença entre o discurso da autoridade e a autoridade do discurso. O Governo faz o discurso da autoridade, já nós cada vez mais devemos fortalecer a autoridade do discurso em nossas ações.

Parabéns aos organizadores por esse movimento ordeiro, pacífico e inteligente. Este é o caminho!